Araxá, 25 de Agosto 2019
Clima Agora
°

Pesquisar

Você está em

Notícias

Cidade

Publicado em:12/08/2019
:: Democracia :: Reunião do CMDCA trata sobre período de campanha para eleição do Conselho Tutelar
São 14 candidatos para cinco novas vagas que serão empossados no dia 10 de janeiro de 2020, primeiro dia do mandato, sendo que os demais ficarão na suplência

Campenha eleitoral se estenderá até o próximo dia 5 de outubro

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Araxá (CMDCA) promoveu reunião para tratar do período de campanha eleitoral do processo unificado de escolha dos novos membros do Conselho Tutelar, mandato 2020-2023. A reunião contou com a participação da Prefeitura Municipal, representada pelas Secretarias de Ação e Promoção Social, Saúde e Educação e a promotora da infância e adolescência, Dra. Mara Lúcia Silva Dourado, que representou o Poder Judiciário.

O período de campanha eleitoral será aberto a partir do dia 9 de agosto e terminará em 5 de outubro, um dia antes marcado para votação de 8h às 17h, no Centro Universitário do Planalto de Araxá (Uniaraxá), único colégio eleitoral para o pleito. São 14 candidatos para cinco novas vagas que serão empossados no dia 10 de janeiro de 2020, primeiro dia do mandato, sendo que os demais ficarão na suplência.

A apresentação das regras do período de campanha eleitoral foram feitas pela presidente do CMDCA, Cristiane Gonçalves. Todo o processo eleitoral – do edital abrindo para as inscrições até a última etapa que é a votação dos novos membros –, foi fiscalizado pelo Ministério Público. De acordo com a promotora, Dra. Mara Lúcia, o processo transcorreu com naturalidade e dentro da lei. “O CMDCA foi sério, atuante e responsável, cumpriu bem o seu papel. Queremos uma festa da democracia no dia da votação. Só assim poderemos escolher bem os conselheiros tutelares para contribuir com a rede de proteção da infância e juventude”.

Mais informações sobre o processo eleitoral, no link: http://araxa.mg.gov.br/seletivo/categoria/4/processo-de-escolha-do-conselho-tutelar.