Araxá, 26 de Maio 2019
Clima Agora
°

Pesquisar

Você está em

Notícias

Polícia

Publicado em:14/05/2019
:: Polícia :: PM alerta comerciantes e população sobre uso de notas falsas. Fique Ligado...
Repassar notas falsas é crime previsto no Código Penal Brasileiro e pena é de 3 a 12 anos além de multa

Comerciante deve estar atento para não cair no golpe. Foto Divulgação

No dia 12 de maio de 2019, por volta das 15 horas, a Polícia Militar compareceu em um posto de combustível situado na Avenida Imbiara, Centro de Araxá, onde um funcionário relatou que abasteceu um veículo Corsa cor branca, duas portas, modelo antigo e que o condutor do veículo pagou o abastecimento com uma cédula de R$20,00. Somente passado algum tempo, ao conferir o dinheiro do caixa, o funcionário percebeu que a cédula tinha indícios de falsificação acionando então a Polícia Militar que realizou o registro para demais providências.

De acordo com o Código Penal Brasileiro no seu artigo 289, falsificar, fabricando-a ou alterando-a, moeda metálica ou papel-moeda de curso legal no país ou no estrangeiro é crime e a pena é de reclusão, de três a doze anos, e multa.


É muito importante que as pessoas saibam verificar se o dinheiro que estão recebendo é verdadeiro e, para isso, a Polícia Militar passa algumas dicas, para que a população possa saber identificar a autenticidade de uma nota.

SIGA ALGUMAS ORIENTAÇÕES TAIS COMO:

1. COMERCIANTE: NÃO TENHA PRESSA NO ATENDIMENTO:
- Geralmente essas notas são passadas em locais de grande concentração de pessoas, feiras, lojas, supermercados, comércio ambulante, e muitas vezes a pressa do comerciante para atender um maior número de clientes faz com que ele não tome o devido cuidado em verificar a nota que está recebendo.

2. CONHEÇA BEM A NOTA VERDADEIRA:
- Geralmente pessoas que lidam diariamente com dinheiro, como os caixas de banco e comerciantes, sabem facilmente identificar uma nota falsa - essa experiência em manusear diariamente o dinheiro verdadeiro faz com que eles se tornem especialistas em identificar notas falsas.

3. NO CASO DE DÚVIDA, COMPARE A NOTA SUSPEITA COM UMA NOTA VERDADEIRA.

4. OBSERVE A TEXTURA DA NOTA:
- Outra cautela que pode ser tomada é reparar na textura do papel das notas que estão sendo recebidas, as notas falsas tendem a ser lisas, enquanto as notas verdadeiras são ásperas e possuem um alto relevo e saliência nos itens de segurança que pode ser percebido pelo tato. Sinta com os dedos o papel e a impressão.

5. OBSERVE A IMPRESSÃO DA NOTA
- Nas cédulas legítimas, as tonalidades de cores são firmes – as notas falsas têm cores com pouca nitidez e costuma haver borramento das cores.

6. VERIFIQUE A MARCA DÁGUA COLOCANDO A NOTA CONTRA A LUZ.

C/ Ascom/PM