Araxá, 21 de Agosto 2019
Clima Agora
°

Pesquisar

Você está em

Notícias

Cidade

Publicado em:04/09/2014
: Mapeamento Estratégico :: Atuação de engenheiros e técnicos no setor público será mapeada com workshop em Araxá
Câmara Temática do Crea-Minas apresenta metodologia de pesquisa inédita em Araxá. O objetivo é diagnosticar o cenário para propor melhorias no segmento

Encontro acontecerá na próxima terça-feira, dia 9, no Uniaraxá

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Minas Gerais (Crea-Minas) vai mapear as atividades dos engenheiros, agrônomos e técnicos que atuam no setor público em Minas. A pesquisa será elaborada pela Câmara Temática de Valorização Profissional no Setor Público por meio de workshops realizados em cada uma das Regionais do Crea no Estado. O próximo encontro vai acontecer em Araxá, no dia 09 de setembro.

Durante o evento será apresentada aos dirigentes e representantes de associações, entidades de classe e sindicatos ligados ao segmento a metodologia utilizada para levantamento do perfil desses profissionais, além da coleta de informações e debate sobre as práticas da valorização profissional. As regiões Centro-Oeste e Sul de Minas já receberam o workshop.

A iniciativa da criação da Câmara foi motivada diante da crescente valorização do profissional no setor privado em detrimento do engenheiro no funcionalismo público. “Os salários entre os setores são discrepantes. Esta Câmara Temática busca o fortalecimento e o reconhecimento destes profissionais que atuam na esfera pública, para, assim, diminuir um pouco mais o descompasso entre esses dois campos”, ressalta o coordenador da Câmara, Normando Leite.

Ele explica que a proposta da pesquisa é detalhar a realidade vivida por esses profissionais, desde o seu perfil, passando pela condição salarial e identificação de mercado, até o vínculo com a profissão. “Esse levantamento será uma importante ferramenta para subsidiar iniciativas que proponham melhorias para o setor. Vamos gerar um banco de dados muito específico e que será inédito no Brasil”, afirma.

O resultado da pesquisa vai compor um banco de informações que permitirá o aprimoramento de mecanismos que propiciem aos profissionais o adequado reconhecimento nas competências da União, do Estado e das prefeituras. Em parceria com as instituições representativas da engenharia mineira, a Câmara também vai atuar no intuito de informar às instâncias do poder público sobre as regras e normas para a contratação de técnicos e engenheiros, bem como promover a melhoria das condições de trabalho, educação continuada e a defesa de salário-mínimo profissional.

Serviço:
- Data: 09/09/2014
- Horário: 18h
- Endereço: UniAraxá – Av. Ministro Olavo Drummond, 05, Bairro São Geraldo – Araxá