Araxá, 13 de Novembro 2018
Clima Agora
23°

Pesquisar

Você está em

Notícias

Empresas e Negócios

Publicado em:05/05/2014
:: Federaminas :: Emílio Parolini quer fortalecer empresas e evoluir indicadores econômicos e sociais em Minas
Posse da diretoria da Federaminas mobiliza mundos empresarial e político

Empresário Emílio Parolini durante solenidade de posse em BH

“Queremos consolidar um espaço de atuação política, social e econômica, no âmbito de Minas Gerais, para que as empresas possam prosperar e gerar oportunidades de trabalho e renda, receitas e impostos, de forma a proporcionar a evolução dos indicadores econômicos e sociais no Estado”. A declaração foi feita pelo empresário Emílio César Parolini ao ser empossado na presidência da Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado de Minas Gerais (Federaminas).

Em seu pronunciamento durante a solenidade, que reuniu no dia 29 de abril, em Belo Horizonte, figuras destacadas dos mundos político e empresarial, o dirigente da Federaminas para o triênio 2014/2016 anunciou uma gestão guiada pela transparência e responsabilidade social na direção do associativismo de resultados. “Buscaremos a valorização do dirigente associativista e do empresário empreendedor”, disse ele, acrescentando que as empresas necessitam de instrumentos que as auxiliem a garantir vantagem competitiva e gestão eficaz de seus processos organizacionais.

Parolini reafirmou o propósito de interação constante com as associações comerciais mineiras para a construção de canal permanente para equacionamento de suas aspirações, em sintonia direcionada para a evolução por resultados. Para ele, esse movimento de trocas contínuas de informações e ideias permitirá ampliar as condições para a participação das lideranças do interior nas decisões em benefício do empresariado mineiro.

Uma das estratégicas anunciadas pelo presidente da Federaminas nas ações voltadas ao crescimento das empresas e da economia mineira será o desenvolvimento de parcerias. Como frentes de sua gestão, Emílio Parolini apontou entre outras a ampliação do projeto do Posto Avançado de Conciliação Extraprocessual (Pace), que oferece alternativa viável à resolução de conflitos, o apoio às câmaras da mulher empreendedora, por valorizarem a atuação feminina no âmbito empresarial, e aos conselhos de jovens empresários, que considera importantes como formadores de futuros dirigentes das associações comerciais. Ele destacou, sobretudo, o propósito de oferecer pleno apoio às micro e pequenas empresas, ressaltando a importância da participação do setor no desenvolvimento da economia mineira e do País.

Em seu discurso, Parolini também fez referência à gestão do ex-presidente Wander Luis Silva, dizendo que ele promoveu a solidificação institucional e fortaleceu a credibilidade da entidade ao iniciar a sua interiorização e, assim, conhecer e atender as demandas dos empresários das várias regiões mineiras.

Ao transmitir-lhe o cargo, Wander Luis agradeceu a todos quanto contribuíram com a sua gestão, que, segundo ele, sustentou-se em três pilares básicos -a interiorização, a internacionalização e a aquisição da sede própria.