Araxá, 25 de Julho 2017
Clima Agora
22°

Pesquisar

Você está em

Notícias

Turismo

Publicado em:23/11/2016
:: Turismo :: Governo de Minas autoriza a construção da Vila do Artesanato de Araxá. Entenda...
Objetivo é fortalecer a produção e comercialização dos produtos regionais alavancando o turismo e a economia na região

Fernando Pimentel assina ordem de serviço em BH. Foto: Agência Minas

O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, autorizou na segunda-feira (21/11), durante ato no Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte, a construção da Vila do Artesanato na cidade de Araxá, no Território Triângulo Sul. O objetivo do espaço é fomentar e fortalecer a produção e comercialização do artesanato regional, visando alavancar o seu reconhecimento e participação no turismo e na economia regional.

O empreendimento será realizado pela Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig) e irá contribuir para a valorização e preservação das diversas manifestações culturais locais, oferecendo ao artesão de Araxá e região um local de promoção de seu ofício. O local irá reunir artesãos de diversas especialidades regionais, como tecelagem, escultura, bordados e alimentos, facilitando o escoamento da produção local.

Durante o ato, o governador ressaltou que a construção da Vila do Artesanato vem ao encontro ao que tem sido feito em Minas Gerais: iniciativas e empreendimentos que foram solicitados pela própria população, principalmente durante os fóruns regionais de governo. Segundo ele, a Vila é um sonho antigo de Araxá, que agora vai se tornar real.

“Cada região do Estado tem coisas simbólicas importantes. O artesanato é uma riqueza do nosso Estado - e em Araxá, especialmente. Valorizar isso é fundamental. São demandas que, às vezes, estão paradas há muito tempo na região, mas que o governo não dava importância. Estamos fazendo o contrário de governos anteriores, se destacaram por grandes obras que, infelizmente, beneficiaram poucas pessoas, sem dar tratamento regionalizado como estamos fazendo agora”, afirmou Pimentel.

“O futuro não pode repetir esse tipo de erro, pois não temos mais a pujança daquele período. Estamos nos esforçando para, com pouco dinheiro, fazer muito. Ir para cada região, ouvir as pessoas e trazer para dentro do governo demandas que, mesmo pequenas, são muito importantes para aquela população”, completou o governador.

O presidente da Codemig, Marco Antônio Castello Branco, ressaltou que a construção da Vila do Artesanato é uma demanda muito antiga no município.

“O objetivo é revigorar o artesanato na região, dando uma atração adicional ao Parque do Barreiro, que recebe turistas de diversas regiões. Por meio do artesanato, o turista terá contato com o micro e pequeno empresário. É uma iniciativa que reflete a decisão da Codemig, que veio do governador Fernando Pimentel, de valorizar todos os territórios mineiros”, disse.

Artesanato

Em Minas Gerais, existem cerca de 300 mil artesãos. A cadeia produtiva da atividade movimenta anualmente cerca de R$ 2,2 bilhões para a economia do Estado.

O artesanato mineiro é importante patrimônio do Estado, ocupando papel central para a formação da identidade e diversidade cultural de Minas Gerais e gerando renda e desenvolvimento socioeconômico para os mineiros.

Também participaram da cerimônia o secretário de Estado de Governo, Odair Cunha, o deputado estadual Bosco, o prefeito de Araxá, Aracely de Paula, além de secretários municipais, vereadores e lideranças da cidade.

C/ Agência Minas